LIFESTYLE: SALTO DE PARAQUEDAS

post1Hi, Buddies,

Semana passada, recebi um convite inusitado: saltar de paraquedas. Assim que  o recebi, neguei quase que imediatamente, mas, antes mesmo de responder, pensei, porque não?

Um dos meus maiores medo é de altura, não consigo nem chegar perto de sacadas e varandas muito altas. E foi por isso mesmo aceitei, pois estava na hora de começar a vencer este medo.

Até o dia do salto (18/03), não pensei muito sobre o assunto. Ou melhor, até a noite que o antecedeu. Confesso que não dormi direito e tive diversos sonhos com o episódio. Inclusive, em um deles, o paraquedas não abriu… Rs!

Bom, acordei e fui para a Casa Glamurama, já que o site foi um dos envolvidos nesta ação, em parceria com a Red Bull e pela Fun2you. Entre os outros convidados estavam: Helinho Calfat, Marina Diniz, Diego Rodrigues, Pedrinho Almeida, Pietra Bertolazzi, Mario Velloso… No total, 15 pessoas. Vê-los lá me aliviou bastante, afinal, estas empresas não nos chamariam para o “salto da morte”, né?!

E lá fomos nós pra Boituva, no interior de São Paulo, a “capital nacional do paraquedismo”. Ao chegar, fomos recebidos pela equipe da Voar Paraquedismo, responsáveis pelos saltos.

Após colocar o equipamento e receber as instruções, dividimos os grupos para iniciar as subidas e os saltos. No meu grupo estavam eu, o Helinho, o Diego e a Marina. Claro que fomos os primeiros a subir e eu o primeiro a saltar. Subimos a uma altura de 12.000 pés e, na queda livre, atingi 220 km/h. Aff!

Caros leitores, preciso dizer que saltar de paraquedas foi uma das sensações mais incríveis da minha vida, senão a melhor! Chegar na porta do avião para saltar não foi tarefa fácil… Vencer nossos medos é difícil, pois geralmente eles falam mais alto. Mas, saber que você é capaz de superá-los é algo maravilhoso e surpreendente!

Estou ainda meio extasiado e, toda vez me lembro do salto, me dá um frio na barriga e penso: quando repetirei este feito?

Podem ter certeza que muito em breve! Confiram as fotos abaixo…

Permita-se!

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 Comentários:
  1. Philippe

    Que máximo, hein?! Resolveu o seu medo de altura de maneira extrema.
    De altura, eu não tenho medo. Tenho medo de palhaço. ‘Cê’ acredita que tenho medo do Patati-Patatá? Não olho na cara do palhaço. Sabe aquela frase “quando você olha muito para o abismo, o abismo olha dentro de você”? Sei lá… Palhaço lá e eu cá! Fica assim combinado!
    E o penteado resistindo a 220 km/h? Inabalável! Superman/Clark Kent no DNA! 😉

  2. Edson Nova

    O Philippe leu meus pensamentos rsrsrsrsrsrsrsrs
    Que spray de cabelo poderoso!!!
    O Kadu tinha dito ao Hugo Gloss que, pra ser o Clark Kent, só faltava voar… Não falta mais.
    Eu chegaria no chão desmaiado e com o cabelo de um poodle: tenho pavor de altura!
    E, ironicamente, tenho 1,90m…

  3. Cezar

    ameiiiii super curti demaiss