TIPS: BLACK TIE E WHITE TIE, VOCÊ SABE A DIFERENÇA?

post1
Sabe como vestir-se bem para uma festa de gala?

Acha que só um smoking e uma gravata borboleta compõem o visual?

Pois então, você está enganado!

Para uma festa de gala, principalmente em eventos americanos e europeus – red carpert para ser mais exato -, exige um certo tipo de vestimenta que vai de acordo com a proposta do evento. O MET Gala, por exemplo, era White Tie. E você me pergunta: “o que seria White tie?”. É exatamente isso que quero explicar para você entender as especificações de cada traje e não errar se algum dia precisar usar.

Black Tie: é o traje masculino de gala cujas peças são pretas, exceto a camisa, que é branca. O Tuxedo ou smoking, como é conhecido no Brasil, é o traje formal mais apropriado para tal ocasião. Alguns elementos compõe este traje, são eles paletó preto de gola xale ou em bico com detalhes em cetim preto, a gravata borboleta preta, camisa rigor plissada e o cummerbund (faixa de cetim que fica presa na cintura). Hoje, existem diversos tipos de smokings, inclusive, alguns mais sequinhos e ajustados ao corpo, como os atores de Hollywood gostam de usar. Muitos até brincam com as cores dos botões da camisa para deixar a composição ainda mais estilosa, abandonando a camisa a rigor e a faixa.

É importante dizer que a lapela pode variar. São basicamente três, a shawl lapel, também conhecida como xale, que não tem nem ponta nem dentada que vai de cima a baixo lisinha. É a mais incomum das lapelas e mais tradicionalmente encontrada em paletós de smoking/dinner jackets, mas não somente.

Já a notched/notch lapel que é a lapela, fina ou larga que tem este V de lado perto do ombro. Ela é a menos formal de todas as lapelas, figurando direto em ternos diurnos, sem falar que a notch é a lapela padrão, digamos assim, de paletós de abotoamento simples. Mas pode aparecer em paletós com abotoamento duplo também.

Por último a chamada de pointed ou peaked lapel upstairsue, que vem a ser a lapela, fina ou larga, que termina no ombro com uma ponta. Ela figura tradicionalmente (mas não somente) nos paletós DBs (de abotoamento duplo). Esta é a lapela mais formal dos ternos/smokings de abotoamento simples.

Detalhes como lenço de bolso e boutonnieres (flor na lapela), são sempre bem-vindos. E eu adoro!

BLACK

White Tie: é o mais alto nível de formalidade. Usado em casamentos noturnos e eventos como o do MET Gala ou em certas ocasiões na Casa Branca, por exemplo. Neste traje, a gravata borboleta, a camisa e o colete são brancos, e deve-se ser usados com casaca (Paletó preto, curto na frente com longa calda atrás, acompanhado de calça da mesma cor e tecido). Lembrando que, o colete, é no tom off white. Se permitir acessórios, a cartola preta de seda e as luvas brancas também podem completar a produção.

WHITE

Vale sempre lembrar de dois pequenos detalhes que podem fazer a diferença no traje, sendo eles o nó da gravata feito pelo próprio homem (isso demonstra elegância e segurança do mesmo), e os sapatos na mesma cor da faixa. Levando estas questões em conta, você já está preparado para encarar um evento de gala com pouquíssimas possibilidades de erro.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *