ESPECIAL: MAISON GUERLAIN – PARIS

Blog do Kadu - Maison Guerlain

Hi, Buddies,

Como eu disse pra vocês, encerrei minha viagem pela Europa com uma visita à Maison Guerlain, em Paris. Que lugar incrível! Eu já conhecia a marca, mas não fazia ideia da grandiosa história que existe por trás dela. Fiquei impressionado.

O prédio da Champs-Élysées, pra vocês terem uma ideia, é tombado pelo patrimônio histórico francês. Isso porque, desde que a marca se instalou ali, em 1939, toda a arquitetura original do espaço foi mantida. E não só isso, o fundador da marca, Pierre-François-Pascal Guerlain, chamou artistas consagrados da época para compor a decoração dos ambientes, que também foi mantida até hoje. Eles me explicaram que o prédio está sendo reformado, mas dentro das exigências do patrimônio histórico. A nova mobília, por exemplo, foi feita por um consagrado designer francês da atualidade, mas que manteve toda a inspiração do trabalho original. De fato o resultado é incrível.

Vamos aos highlights do passeio…. Para quem não sabe, a Guerlain não é uma marca só de perfumaria. É claro que ela tem alguns dos perfumes mais famosos do mundo, mas não é só isso. A grife também possui linhas de produtos de tratamento facial e maquiagem – masculina, diga-se de passagem. Inclusive foi a primeira marca de beleza a lançar um bronzing powder – em 1984, mais conhecido como Terracota, que é vendido até hoje e comemora 30 anos agora em 2014. Tamanho foi o sucesso do lançamento, em 1987 o Terracota ganhou uma versão masculina (talvez uma das primeiras maquiagens masculinas da história). Eu já tive, mas soube durante o tour que o produto original será descontinuado, #triste! A marca acredita que novas versões, como a Four Seasons, farão mais sucesso entre os homens, já que não têm tanto brilho. O que vocês acham?

Na visita à Maison conheci também a famosa Bee Bottle, que leva alguns dos melhores perfumes da marca. Ela foi criada em 1853, para enfrascar o perfume Eau de Cologne Imperiale, criado especialmente para a Imperatriz Eugénie usar no casamento com Napoleão III. Pascal Guerlain se inspirou na Coluna Vendôme para criar o formato do frasco e pintou à mão, com tinta dourada, abelhas no vidro.

As abelhas eram o símbolo do Império e como esse fato em especial mudou para sempre os rumos da marca, que logo se tornou famosa por toda a Europa, para celebrar o feito a abelha foi adotada como símbolo da Guerlain – é claro, com a autorização de Napoleão. Tanto o frasco como o perfume, Eau de Cologne Imperiale, são vendidos até hoje, com a mesma fórmula e a partir do mesmo método de fabricação.

Na Maison Guerlain da Champs-Élysées, além de uma enorme butique da marca e parte do seu escritório, funciona também um spa, onde você pode receber tratamentos exclusivos para o rosto e o corpo. As salas de tratamento são incríveis, todas decoradas com pedras ônix trazidas da Itália. É o lugar perfeito para relaxar.

Esse foi um dos dias mais incríveis que passei em Paris. Quando estiverem na cidade, não deixem de conhecer a loja mais famosa e luxuosa da Guerlain. O endereço certamente estará no seu roteiro: 68 Champs-Élysées. Ah, não preciso nem dizer que o cheiro do lugar é incrível, né? Já sinto saudades….

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *